A casa de notícias para os fãs da Nintendo

Análise: Assault Gunners HD Edition

Assault Gunners HD Edition é um título de ação e aventura previamente lançado exclusivamente ao PS Vita e apenas no Japão e agora chega ao Nintendo Switch.Foi produzido e distribuído pela Marvelous Entertainment.

A começar pelos gráficos (apenas o primeiro de vários problemas) que MEU DEUS, são horríveis. Se o jogo tivesse sido lançado ao Nintendo 64 ou Playstation 1, ainda seria tão feio quanto é hoje. O fato do jogo ter texturas “HD” mas com baixa qualidade faz com que tudo fique muito pior. Não falta só polimento, falta muita coisa. As explosões, por exemplo, não são nada bonitas de assistir.

A jogabilidade é até fluida, já que o jogo “incrivelmente” roda a uma taxa estável de quadros por segundo. O problema nisso tudo é a repetitividade que o jogo apresenta, tendo 2 ou 3 objetivos diferentes em cada missão, mas que são sempre os mesmos em todas as missões. É aqui que o jogo cai no seu pior defeito (entre vários), a repetividade.  Assault Gunners pode te divertir no começo (cerca de 10 minutos), mas em pouco tempo a repetividade faz com que o jogador se afaste. A trilha sonora também não é lá grande coisa, com músicas genéricas.

Há como customizar seu mecha no game, o que pode até ser um ponto positivo, mas é muito pouco para te fazer esquecer todos os outros defeitos de Assault Gunners. Apesar de haver uma customização bem variada, pode levar algum tempo até entender como customizamos nosso mecha, já que para customizar devemos quase jogar outro jogo nos menus, pois é tudo muito confuso e leva um tempo até entender tudo.

O jogo foi gentilmente concedido pela Marvelous Entertainment para esta análise.
(The game was kindly granted by Marvelous Entertainment for this review.)
Comentários