A casa de notícias para os fãs da Nintendo

Análise: Atelier Ryza: Ever Darkness & the Secret Hideout

0

Atelier Ryza é o começo de uma nova saga da série Atelier e, assim como tantos outros inícios, uma ótima oportunidade para iniciantes conhecerem a série e também um excelente jogo que também deve agradar veteranos. Jogos da série Atelier se diferenciam dos demais do gênero por focarem na alquimia e em histórias mais simples com um foco maior no amadurecimento dos personagens principais durante a jornada. O aprendizado da alquimia também se aplica ao jogador, sendo que este inicia com pouco conhecimento das mecânicas e gradativamente aprende a como utilizá-las até conseguir criar itens e equipamentos absurdamente poderosos. Esses dois pilares tornam Atelier uma experiência surpreendentemente agradável se comparado com outros RPGs e Atelier Ryza, felizmente, é um dos melhores jogos lançados até o momento.

A história acompanha Ryza e seus amigos de infância Lent e Tao. Lent deseja tornar-se mais forte para sair da sombra de seu pai problemático, enquanto que Tao procura estudar livros antigos deixados pelo seu avô, mas que foram escritos em uma língua que ele não pode entender. Ryza, por sua vez, não tem um grande objetivo até conhecer o alquimista Empel e se maravilhar com o que a alquimia pode fazer. Ryza então começa sua jornada para tornar-se uma exímia alquimista enquanto ajuda seus amigos, Empel e a população da ilha onde vive.

A trama conta uma história simples, mas interessante que foca no crescimento de Ryza como alquimista e pessoa, assim como Lent e Tao. A história principal desenvolve muito bem os personagens principais, sendo que várias cenas opcionais também colaboram para isso e também para demonstrar os costumes e crenças da ilha onde os personagens vivem. O choque entre juventude e tradição assim como alguns outros temas mais sérios dão uma certa complexidade inesperada aos personagens e ao jogo tornando essa uma história fácil de se interessar e acompanhar os protagonistas durante sua jornada.

A jornada em si envolve realizar tarefas para uma variedade de personagens e essas normalmente envolvem o combate ou criar algo com alquimia. O ciclo básico de qualquer Atelier envolve ir em uma localidade, coletar ingredientes pelo cenário ou pela batalha, realizar alquimia para se obter itens e equipamentos melhores que, por sua vez, permitirão que se explorem novas localidades e se coletem novos ingredientes para novas receitas de alquimia. É um ciclo simples e absolutamente viciante.

Ao contrário de outros jogos da série, o sistema de batalha em Atelier Ryza é um mistro do combate por turnos clássico da série junto com mecânicas de tempo real, ou seja, os inimigos não irão esperar pelas ações do jogador para atacarem. A equipe de combate é composta por três integrantes, no entanto, o jogador controla apenas um personagem, sendo que os outros dois são controlados automaticamente pela inteligência artificial do jogo. Felizmente, é possível trocar o personagem a ser controlado manualmente a qualquer momento do combate e saber quando controlar cada integrante é um dos aspectos estratégicos do combate.

A mecânica central de combate está no nível tático que, no combate, se inicia no nível 1 e pode ser aumentado durante a luta caso o jogador obtenha AP suficiente. AP é dado ao se realizar ataques normais, atingir fraquezas ou coordenar ataques especiais junto aos outros membros da equipe como utilizar um tipo de item específico, uma habilidade ou causar um status em específico. Essencialmente, jogar de maneira estratégica fornece AP que, por sua vez, aumenta o nível tático que, por sua vez, afeta diretamente a quantidade de ataques normais que podem ser utilizados em uma ação, o poder das habilidades e muito mais, ou seja, quanto maior o nível tático, maior será a velocidade e o dano causado pela sua equipe inteira. O AP também pode ser utilizado para realizar uma ação imediata, sem ter que esperar a vez do personagem, permitindo que o jogador realize ações rápidas de cura ou derrote um inimigo que esteja prestes a utilizar um ataque muito forte.

O elemento em tempo real do combate força o jogador a pensar rapidamente em suas estratégias, especialmente porque esse sistema de batalha é bastante agressivo e faz com que a grande maioria das lutas seja bastante breve. Mesmo o combate contra inimigos poderosos pode durar poucos segundos com a estratégia e equipamentos corretos e, da mesma forma, a derrota pode vir rapidamente caso o jogador esteja despreparado. A derrota, no entanto, não acarreta muitas penalidades, sendo que o jogador perde uma parte dos ingredientes e tesouros que coletou durante a investigação de uma localidade.

O título conta com uma variedade interessante de locais para serem explorados, sendo que cada localidade têm dezenas de pontos de coleta e uma boa variedade de diferentes ingredientes que serão utilizados na alquimia. Algumas vezes é necessário utilizar um equipamento para coletar os itens e, dependendo do equipamento utilizado, o resultado da coleta será alterado. É uma forma simples e elegante de aumentar a quantidade de itens que podem ser obtidos em cada local. Como novidade, é possível utilizar itens para criar localidades geradas aleatoriamente, permitindo obter ingredientes raros de maneira mais fácil e essas criações também podem ser compartilhadas com outros jogadores através de códigos.

A alquimia, por sua vez, utiliza dessa variedade de dezenas de diferentes itens e permite que o jogador crie novos ingredientes, equipamentos, armaduras, itens de combate e muito mais. Cada receita é composta de múltiplos nós que podem ser ativados ao se inserir os ingredientes corretos. Uma vez que o nó é ativado, o item final ganha a propriedade descrita no nó. Existem nós que realizam as ações básicas do item da alquimia, mas também existem outros que fortalecem o item (maior ataque, velocidade, etc.) ou que mudam seu efeito ou dão acesso a novas receitas. O jogador é limitado na quantidade de ingredientes que pode escolher, sendo que esse limite aumenta conforme Ryza se torna mais proficiente na alquimia. A alquimia, portanto, torna-se um exercício em customização, onde o jogador deve escolher sabiamente quais características quer no seu item final e quais itens e nós deve utilizar para obter o resultado desejado.

Apesar da quantidade de mecânicas, Atelier Ryza faz um excelente trabalho com seus tutoriais que são muito bem espaçados entre si para que jogadores iniciantes nunca se sintam sobrecarregados com explicações complexas. O ritmo com o qual a história avança e gradativamente vão se liberando novas mecânicas e ferramentas é agradável, dando bastante liberdade para que o jogador avance pela história a se próprio passo.

Jogo analisado com código fornecido pela KoeiTecmo.

85%
Ótimo

Atelier Ryza utiliza da excelente base de jogabilidade da série e traz algumas novidades consigo, fazendo deste um dos melhores jogos da série. É um excelente começo de um novo arco, uma excelente oportunidade para novos jogadores e um excelente título para qualquer fã de RPG.

  • Design

Deixe um comentário

  Se inscrever  
Ser notificado por