A casa de notícias para os fãs da Nintendo

Análise: Contra Anniversary Collection

0

↑↑↓↓←→←→BA Start

O famoso Konami Code. Sua popularidade fez com que o código fosse referenciado por vários sites, músicas, shows de televisão e muito mais. Sua origem vêm do jogo Gradius, no entanto, sua popularidade se deve ao lançamento de Contra (NES) nos EUA. No título, o Konami Code fornecia 30 vidas para o jogador, algo absolutamente necessário devido a alta dificuldade do jogo, mesmo para os padrões da época.

A alta dificuldade da série provêm de uma filosofia de jogabilidade bastante diferente dos demais jogos de ação da época e que ajudou a série Contra a se destacar das demais. O jogador controla os mercenários Bill e Lance, dois guerrilheiros encarregados de derrotar um exército alienígena, e tem acesso a uma variedade de armas de fogo que podem ser disparadas em múltiplas direções. As armas têm munição infinita e longo alcance, portanto, o jogador pode preencher grandes pedaços do cenário com seus tiros. Cada arma tem uma diferente função, mas todas têm poder de fogo suficiente para destruir qualquer inimigo.

Em compensação, Bill e Lance morrem com qualquer ataque e inimigos podem aparecer repentinamente de qualquer local, inclusive atrás do jogador. Chefes têm padrões complexos, sendo que desviar de seus ataques requer que o jogador esteja muito bem posicionado. Ao morrer, o jogador também perde seu equipamento, retornando para seu rifle básico que é a arma mais fraca dos títulos. Essas são algumas das razões pelas quais as 30 vidas no Contra original eram praticamente uma necessidade.

Boa parte dos jogos de ação da época requeriam reflexos rápidos do jogador e inputs bastante precisos, enquanto que Contra requer apenas que jogadores memorizem seus padrões. Os jogos da série não são longos, no entanto, fechá-los pela primeira vez pode levar dias. Uma vez conquistados, o tempo do jogador (e o número de vidas necessárias) gradativamente vai diminuindo porque o jogador aprende como se posicionar, quais armas utilizar, quais inimigos são verdadeiramente perigosos e quando aparecem, etc. São jogos feitos para serem jogados várias vezes, constantemente desafiando o jogador a melhorar seu desempenho.

A coletânea Contra conta com a mesma emulação vista nas demais coletâneas da Konami permitindo alternar entre vários displays diferentes e salvar e carregar seu progresso em qualquer momento (facilitando bastante a vida dos jogadores). É possível customizar os controles, exceto em Contra Hard Corps estranhamente. A atual coletânea conta com os seguintes títulos:

Contra (Arcade versão Americana e Japonesa, NES versões Americana e Japonesa)

Super Contra (Arcade versão Americana e Japonesa, NES versões Americana e Japonesa)

Contra III The Alien Wars (SNES – Versão Americana, Japonesa e Europeia*)

Operation C (Gameboy – Versão Americana e Japonesa)

Contra Hard Corps (Genesis – Versão Americana, Japonesa e Europeia*)

– Livro sobre a série.

*As versões Europeias tem visuais diferentes das demais e se chamam Probotector.

O único negativo da coletânea é seu número menor de jogos únicos se comparado com as coleções anteriores (5 jogos nesta coletânea. As demais tinham 8 jogos cada).

Jogo analisado com código fornecido pela Konami.

75%
Ótimo

Contra é recomendado para aqueles que gostam de um bom desafio. Gradativamente, o jogador aprende seus padrões e requer menos vidas e continues para conquistar cada fase. São jogos antigos, mas que cuja qualidade ainda é perceptível mesmo para os padrões atuais.

  • Design

Deixe um comentário

  Se inscrever  
Ser notificado por