A casa de notícias para os fãs da Nintendo

Análise – Mario Golf: Super Rush

É hora de jogar o taco na cabeça dos amigos!

Mario Golf: Super Rush é a mistura perfeita de jogabilidade arcade, como é costume em games de esportes do Mario, e regras padrão do golfe no fantástico Reino do Cogumelo. Portanto, prepare-se para sabotar adversários, evoluir seus Miis e liberar alguns cenários. Pessoalmente, confesso não ser muito apegado ao esporte em questão, mas se tem algo do qual sou fã são os games spin-offs de Mario, que conseguem tornar tudo mais divertido com seu jeito único.

Evolua seu Mii nessa jornada rumo ao topo

Evolua seu Mii
Evolua seus atributos

No menu principal, há uma forma de jogar partidas rápidas chamada Play Golf, como também o Adventure (aventura), Play Stats para ver registros de jogo até o momento, Solo Challenges e um local dedicado para aprender as regras do esportes, caso você seja alguém sem familiaridade com ele.

Para os solitários de plantão, o single player conta com o bacana modo Aventura, em que jogamos utilizando nosso Mii e subimos no ranking. Aqui, somos o mais novo integrante de um grupo de novatos do golfe, que estão prestes a participar de um torneio. Este grupo é formado por alguns vilões da série, como Boo e Chargin’ Chuck, além de personagens famosos como Toadette. Nosso protagonista é um novo recruta no qual todos estão colocando altas expectativas, então cabe a você ser uma boa surpresa através de suas habilidades com os tacos. Podemos transitar a pé entre cenários belíssimos ambientados em dunas de areia, locais com muito sol e grama verde, além de altas montanhas e um gigantesco lago.

Na aventura, o Mii recebe pontos de experiência ao cumprir as lições do golfe e derrotar adversários em competições, ou simplesmente cumprindo desafios disponíveis em alguns NPCs no mapa. Uma vez preenchida a barra de experiência, subimos de level e recebemos pontos para serem distribuídos entre os principais atributos: Power, que indica a distância que nossa bola consegue atingir na tacada; Stamina, simbolizando o quanto conseguimos correr em campo; Speed, nossa velocidade de corrida; Control, que representa o quão precisamente conseguimos jogar a bola na direção almejada; e Spin, que aumenta a capacidade de realizar tacadas curvas.

Correndo nas dunas

Aqui também somos apresentados a todos os tipos de jogo disponíveis no menu de jogo rápido, além de ser possível liberar novos mapas bastante interativos com obstáculos e ameaças em todo o trajeto, para depois os selecionar em uma partida. Por outro lado, também é possível liberar todos os cinco mapas jogando os 18 buracos de cada cenário. O mais bacana é a interação que os ambientes trazem, como redemoinhos que elevam o personagem às alturas, relâmpagos que podem lhe acertar em tempestades pesadas e bolas gigantes de pedra rolando que atrapalham sua passagem. Além de tudo isso, ainda existem Boss Battles, que são partidas em que precisamos eliminar o inimigo realizando tacadas em seus projéteis ou em objetos do campo.

Todos os atributos distribuídos aqui em nosso Mii são carregados para os outros modos disponíveis, servindo basicamente como uma aventura para evoluir o personagem. Porém, esse fica sendo o maior incentivo de todos para experienciar a “história”, que cumpre bem o seu papel mas acaba não fazendo nada de extraordinário. Bom que exista, e ruim seria não ter nada do tipo disponível por aqui. Infelizmente, em alguns momentos há o exagero dos 18 buracos em uma única competição, o que traz um sentimento de morosidade e repetição, sem falar o quão trabalhoso é tentar novamente caso não tenha se classificado para a próxima etapa.

Nice shot!

A física em Mario Golf: Super Rush respeita a realidade, e podemos notar que a bolinha quica caso acertemos árvores e até mesmo “ricocheteia” em paredes e montanhas, além de receber bastante influência do vento caso esteja soprando muito forte. Também podemos escolher o tipo de taco a ser utilizado durante a partida, apesar de ser automático a seleção do melhor para cada distância. Fora isso, somos livres para direcionar para qual lado a bola será enviada utilizando o analógico esquerdo após apertar o A. Tacadas precisas também são recompensadas com um “Nice Shot” e um efeito sonoro, sinalizando sua habilidade em pressionar o botão no momento certo.

Falando de um aspecto mais cosméticos mas que, mesmo assim, ainda beneficia através de mudanças de atributos, podemos comprar tacos e roupas para nosso personagem. Com isso, existem diversas vantagens, como mais fôlego ao correr dentro de partidas, influência menor do vento sob a bolinha com certos tacos e afins. Aliás, é para esse tipo de coisa que coletamos moedas no cenário entre uma tacada e outra.

As estrelas: multiplayer e modos de jogo

Modo Battle Golf

O multiplayer local no mesmo console suporta até 4 pessoas, mas o motivo não é exatamente pelo qual você pensa. A maioria dos tipos de jogo suportam no máximo 2 jogadores, sendo que o com quatro é restrito apenas ao modo comum em que cada um faz a tacada em seu próprio turno de forma isolada na tela. Secundariamente, também é possível criar uma sala para ser encontrada utilizando o recurso wireless do Switch, cada console possuindo sua própria cópia de Mario Golf: Super Rush.

Existem 3 modos disponíveis, ao todo, podendo alternar entre os comandos padrões, utilizando os botões do controle, ou escolhendo o sensor de movimento para realizar tacadas e, para cansar de verdade, chacoalhar o controle para sair correndo com o personagem. As modalidades disponíveis são as seguintes:

  • Standard Golf: aqui, podemos experienciar o esporte em seu estilo padrão, com cada personagem realizando sua tocada em seu próprio turno de forma isolada na tela. Também podemos jogar todos ao mesmo tempo, visualizando seus oponentes junto a você no campo em tempo real. Nesta segunda forma, não é possível acelerar a animação da bola sendo arremessada e nem experienciar com 4 pessoas no mesmo console.
  • Speed Golf: um modo mais arcade, focado em sair correndo após a tacada. Aqui, os personagens precisam ir até sua bolinha após terminar sua ação, para depois jogar novamente. No trajeto, podemos utilizar um dash especial que, ao colidir com inimigos, os imobiliza por alguns segundos. Além disso, certas habilidades e obstáculos também atrapalham os adversários e suas bolinhas, que podem ser arremessadas para longe. No campo, também há corações para recuperar seu fôlego. O vencedor de cada buraco começa o próximo antes de todos os outros participantes, caso a regra High Score seja escolhida. Já se escolhermos a Best Time, competimos por acertar os buracos o quanto antes.
  • Battle Golf: um modo em que o caos estará instaurado. Aqui, jogamos em nove buracos em um estádio gigante (apenas um, com duas variações), com todos os personagens ao mesmo tempo lutando desesperadamente pela vitória. Cada vez que alguém pontua, o respectivo buraco desaparece dando foco ao próximo. O primeiro ao conseguir três bandeiras é o vencedor. Neste modo se vê de tudo: tacadas especiais, movimentação livre e sabotagem aos adversários com a ação de corrida que os derruba na colisão.

Além desses tipos de jogo, há o Solo Challenges, com os modos Score Attack e Time Attack disponíveis. O primeiro foca na menor pontuação conseguida após 18 buracos, enquanto o último recompensa aquele que fizer o menor tempo nestes 18 buracos. Uma vez jogado, a pontuação de ambos os modos são registrados em Play Stats, onde todos os dados de uso e jogatina de cada personagem fica registrado – mas sem comparação com amigos ou leaderboards mundiais. Também podemos liberar novos conjuntos de tacos de cada figura selecionável após jogar bastante com eles, somando pontos o suficiente para abrir seus dois sets existentes: 1000 para o primeiro e 3000 para o segundo.

Conteúdo e online poderiam ser melhores

Ping mediano
Ping mediano não deveria ter influência na comunicação online

Apesar de ser algo a ser comemorado o fato da Nintendo ter anunciado que Mario Golf: Super Rush receberá atualizações constantes, é impossível negar que há um sentimento de o conteúdo foi cortado para ser lançado nos pacotes de updates futuros. Na tela de seleção de personagens, por exemplo, já existe o espaço para cerca de 10 figuras adicionais, algo que, também, foi confirmado pela empresa de que aconteceria – não especificamente essa quantidade. Em termos de elenco disponível no lançamento, diria que fica um pouco a desejar se comparado com outros spin-offs de Mario como Mario Kart 8 e Super Mario Tennis Ace. É engraçado também o fato de que no modo Aventura há tantos modelos 3D prontos e animados, como a própria Toadette e vários Koopas, que sequer estão presentes na tela de seleção.

O online também é bem questionável mesmo que a pessoa não more tão longe assim. Enfrentei constantes lags mesmo com um ping mediano, o que mostra a falta de otimização da comunicação tratando-se do multiplayer através da internet. O personagem e sua bolinha engasga várias vezes durante a tacada e a corrida, o que não faz sentido nenhum já que não há uma exigência de sincronização e resposta de comandos em tempo real para ambos os jogadores. Não estamos jogando futebol ou outro esporte ágil, e sim golfe.

Por último, mas não menos ou pouco importante, as animações de transição entre o momento da tacada e jogadores realizando suas tacadas demonstram um completo descuido por parte dos desenvolvedores. O personagem simplesmente não possui uma transição suave entre a animação de corrida e a preparação para jogar, nem mesmo um esmaecimento (fade) simples. Os modelos 3D simplesmente desaparecem e reaparecem no campo em um corte completamente seco, o que causa bastante estranheza.

Modo aventura satisfatório, multiplayer divertido, e online mediano

Como dito anteriormente, apesar de não ser uma pessoa muito inteirada em Golfe, sou fã de spin-offs de Mario. Conforme esperado, tudo aquilo que caracteriza o personagem e o mundo ao seu redor estão presentes em elementos arcade em Mario Golf: Super Rush, como tacadas especiais absurdas e movimentos de corrida que podem sabotar seus adversários durante o trajeto. O conteúdo single player, existente no modo Aventura, é satisfatório e acabou me divertindo mais do que eu esperava, além de apresentar como tudo funciona e permitir a evolução do meu próprio Mii. O incentivo para jogar sozinho não é assim tão grande, mas cumpre seu papel.

O multiplayer local é decepcionante por não permitir todos os modos em 4 pessoas no mesmo console, sendo necessário optar pela comunicação wireless a fim de parear seu Switch com pessoas próximas ou ir ao online para desafiar amigos e pessoas aleatórias na internet. Apesar do multiplayer online ser o ponto alto e a estrela por aqui, também é algo que deixa bastante a desejar por conta de seu lag bastante nítido nas partidas sem um motivo plausível. Lembrando, golfe não é um esporte ágil que exige sincronização em tempo real.

Adicionalmente, o conteúdo deixa a sensação de algo cortado para que o jogo fosse lançado na data estabelecida, e a promessa de que “Mario Golf: Super Rush receberá atualizações constantes” reforça ainda mais esse sentimento. A quantidade de personagens selecionáveis no lançamento soma 16 (17 se contarmos com nosso Mii), com espaço aparente para cerca de 10 adicionais a virem futuramente. Por fim, os cincos cenários disponíveis são bem divertidos e bastante interativos, mas podiam ter sido bem melhor aproveitados. Apenas 5 é uma quantidade muito pequena, além de que no modo Battle Golf o único lugar disponível é o estádio. Bom, esperemos por tudo que Mario Golf: Super Rush receberá futuramente, mas é inegável o gosto amargo que fica de que trata-se de algo lançado já com um roadmap de coisas cortadas para serem trazidas só depois.

Jogo fornecido para análise pela Nintendo.

Mario Golf: Super Rush Capa
Mario Golf: Super Rush
Veredito
O mais novo jogo de golf do Mario chega ao Nintendo Switch, trazendo divertidos modos de jogo, mas com uma sensação de algo faltando.
Prós
Modos divertidos de jogo
Modo Adventure superou expectativas
Cenários interativos e bem construídos
Online com pesquisa de salas
Contras
Online tem lag, em momentos que não deveria haver
Multiplayer no mesmo console para 2 pessoas na maioria dos modos
Conteúdo podia ter sido melhor
7.5
Será que Mario Golf foi RUSHado?
Comentários