A casa de notícias para os fãs da Nintendo

Pokemon Brilliant Diamond na Nuuvem

Pokemon Shining Pearl na Nuuvem

Análise – Super Mombo Quest

Mombo vai para onde Mombo quiser.

Super Mombo Quest é o terceiro jogo da Orube Game Studio e chega como um metroidvania um pouco diferente, com muitos combos, coletáveis, personagens divertidos e um herói que se agarra às paredes com a língua.

História e gameplay

Ao tentar fugir da terra dos pesadelos, Tomé se depara com uma estranha criatura roxa, que é o nosso herói Mombo. Mombo só se interessa por moedas e cristais roxos, e para poder ter ajuda e salvar sua terra, Tomé espalha cristais por todo reino, de modo que Mombo busque os cristais e de quebra acabe com as forças do senhor dos pesadelos.
Em minha opinião, achei sensacional o modo como usaram isso para justificar a existência e a necessidade de coletar os cristais roxos e as moedas. Mombo não tem falas, e com isso, temos a impressão de que os NPCs jogam conosco durante boa parte do tempo, nos estimulando a continuar explorando sem ficar muito maçante e solitário. Há também alguns diálogos cômicos de vez em quando, além de comentários sutis sobre a próxima área, já que é comum ficarmos perdidos (mas você vai querer vagar por cada área para pegar todas as moedas possíveis).

Cada sala tem pelo menos uma moeda para o Mombo, e os desafios variam entre coletar cristais ou matar inimigos em sequência. Isso faz com que cada sala que passamos seja importante, única e cada vez mais desafiadora (um dia fiquei uma hora só tentando fazer um combo), já que elas são necessárias para abrir novas áreas. Os cristais, por sua vez, podem ser gastos para adquirir melhorias para o Mombo ou para o mapa, e as salas com teleporte ajudam nas buscas pelos coletáveis do jogo. Porém, não pense que será fácil: essas salas de teleporte têm desafios maiores que a maioria das outras salas.

Super Mombo Quest tem um excelente level design e te leva a revisitar cenários, não porque você precisa, mas porque você quer, seja para pegar uma melhoria ou para alcançar aquela moeda que você não quer deixar para trás de jeito nenhum. Isso faz com que você aproveite ao máximo todo o jogo e consiga os 100% de forma satisfatória. Pena que acabou rápido (para mim), e o pós-game não oferece nada.

Gráficos

Super Mombo Quest conta com a pixel art mais bem animada que eu já vi. Possui uma boa quantidade de sprites de animação para o Mombo e seus inimigos (mas nem tanto para seus aliados) e os cenários têm uma ótima paleta de cores, onde tudo parece muito feliz e colorido, combinando com a expressão imutável do Mombo. Nem parece que o mundo está sendo atacado (vai ver é porque ele estava fazendo um bom trabalho).
O único problema que observei foram com algumas texturas transparentes em determinadas áreas onde o fundo do cenário tem uma camada a mais para indicar a gravidade; nestes casos, fiquei em dúvida sobre como isso funcionava antes de experimentar ou quando trocava de efeito subitamente, e eu só tive um sinal claro até ter um feedback do controle. Isso não impactou tanto o gameplay, mas é um ponto que poderia ser melhorado.

Trilha sonora

Produzida pela Midpixel, a música fecha a ambientação com louvor. A trilha é bastante puxada por instrumentos de sopro, percussão, sintetizador, xilofone (adoro trilhas sonoras que usam isso) e alguns gritos do Mombo, às vezes.
As músicas começam bem simples e depois ficam mais complexas e ganham mais força e energia, assim como o jogador, à medida em que você avança pelas áreas. O loop da música é tão sutil que mal é percebido.

Conclusão

Super Mombo Quest tem um ótimo custo benefício, não pesa muito no SD e vai te garantir boas horas de diversão, de acordo com sua habilidade.

Recomendado
Super Mombo Quest é um ótimo jogo, que mescla diferentes tipos de gameplay e os explora de forma única e bem animada; é impossível ler MOMBO COMBO e não cantar. É um jogo altamente recomendado para jogadores que amam metroidvanias e plataformas.
Prós
Muitos coletáveis
Desafios de plataforma justos
História simples, mas que funciona para a proposta.
Contras
Problemas com texturas
Sem conteúdo pós-game
8
Comentários