A casa de notícias para os fãs da Nintendo

Análise: Tesla vs Lovecraft

4

Tesla vs. Lovecraft é um daqueles jogos que, se fosse vendido numa prateleira de uma loja de jogos, analisa-se suas artes conceituais e tivesse que me decidir entre esse e outros jogos, com toda certeza escolheria outro jogo. Não tem jeito, vivemos de aparências, julgamos sim o livro pela capa. O problema é que, nesse nível, eu teria perdido um dos jogos mais divertidos que eu tive a oportunidade de aproveitar no Nintendo Switch.

O game tem uma narrativa simples, Nikola Tesla, reconhecido inventor, responsável, em muito pela tecnologia robótica moderna, pesquisou a vida toda uma maneira de transmitir energia elétrica sem fio, na vida real, não obteve o sucesso nessa empreitada, mas no jogo, sim obteve grande sucesso e acaba arranjando um inimigo mortal e cruel, o escritor H.P. Lovecraft, reconhecido, na vida real, por seus contos de terror, sendo o mais conhecido o conto “O chamado de Tchulhu (esse ser, que ele monta na arte conceitual).

Pois bem, no jogo, seu objetivo, sendo o Tesla, é destruir, com uso da tecnologia, seres invocados por Lovecraft. É a disputa final entre a racionalidade e o místico, o misterioso. Disputa real, inclusive, que dominou os debates entre pensadores iluministas e passou e chegou até a sociedade moderna, com Nietzsche e Max Weber que denunciaram o desencantamento do mundo provocado pela ciência moderna.

O jogo disponibiliza 10 armas, 25 perks e 11 habilidades. Os perks são habilidades aleatórias que são disponibilizadas a cada evolução de nível e variam entre aumento da força dos tiros, velocidade do disparo, aumento do número de canos para sua arma, regeneração de vida e etc… As armas e habilidades são espalhadas pelo cenário, além dos itens de cura, disparos de fogo, escudos e as peças de um robô gigante que pode ser invocado para metralhar com os monstros.

Os gráficos são ótimos e os modelos dos monstros são muito bons, os cenários são interessantes e bem projetados e são propícios para a criação de estratégias, a habilidade de dash do personagem é muito útil para escapar das hordas gigantescas de monstros. E a jogabilidade é realmente muito boa, ela não é punitiva e recompensa a habilidade do jogador.

Não vale dizer que os controles são ruins e por isso joga mal, a jogabilidade é precisa, com mapeamento de botões bem planejado, abusando dos botões de ombro, a mira, realizada pelo analógico direito também é simples e intuitiva. O game ainda conta com um modo survival com rankings online e coop local.

A trilha sonora talvez seja a única coisa com ar de inacabado em Tesla vs. Lovecraft, a trilha sonora é bastante empobrecida, ainda que a trilha existente não seja enjoativa, seria bom que houvessem mais trilhas sonoras entre as fases. E também mais mapas, já que são poucos os ambientes do jogo e por mais que ele seja um game extremamente divertido, seria bom ter mais mapas que te exigissem maior memorização dos espaços.

* Uma cópia digital do game foi gentilmente cedida pela 10tons para realização dessa análise.

85%
Muito bom

Tesla vs. Lovecraft é um ótimo jogo, divertido, desafiante, com jogabilidade precisa, e um modo survival com rankings online interessante para os jogadores mais competitivos. Infelizmente nem tudo é perfeito, os cenários repetitivos e a pobre trilha sonora, ainda que problemas menores, vão fazendo o jogo envelhecer um pouco rápido demais.

  • Design

 

Deixe um comentário

4 Comentários em "Análise: Tesla vs Lovecraft"

Ser notificado por
Dr.K
Amiibo
Uma crítica que espero ser construtiva: Você não disse, @Lelo Galdino, do que se trata o jogo. Embora haja alguns elementos para informar; como a info da dash do personagem. Mas eu tive que ler duas vezes pra pegar essa informação e deduzir que era um TSS. Na primeira leitura, eu não soube dizer se era um Twin-Stick Shooter, um CRPG Isométrico ou se é um jogo de estratégia, como as fotos dariam abertura pra imaginar. Mas parabéns pela iniciativa! Esses jogos geralmente passam por debaixo do radar e é sempre bom ter alguém analisando e dando o feedback e… Ler mais »
art_vic
Amiibo

“Pois bem, no jogo, seu objetivo, sendo o Tesla, é destruir, com uso da tecnologia, seres invocados por Tesla.” Não seria invocados por Lovecraft?