A casa de notícias para os fãs da Nintendo

Gabe Newell, chefe da Valve, diz que sente “ciúme” da capacidade da Nintendo em produzir hardware e software ao mesmo tempo

Nos últimos anos, a Valve, conhecida por franquias como Portal, Left 4 Dead e Half Life tem concentrado esforços em sua gigantesca plataforma de distribuição Steam e também no quesito hardware. Contudo, pelo visto, a empresa está mudando seu ponto de vista, e pretende voltar ao cenário de softwares.

Durante uma entrevista de Gabe Newell, o Chefe da Valve, ele destacou a Nintendo e sua capacidade de produzir em conjunto um hardware e um software, e que a Valve busca esta mesma capacidade, que aliás, segundo Newell, a empresa já possui, e por isso passará a investir nos jogos em si em breve. Newell afirmou da seguinte maneira:

 

“Nós, [como empresa] sempre fomos um pouco ciumentos com a Nintendo. Quando Miyamoto está sentado e pensando na próxima versão de Zelda ou Mario, ele está pensando como será o controle, que tipo de gráficos serão usados e outras jogabilidades. Ele pode introduzir novas jogabilidades como o sensor de movimento porque ele controla essas duas coisas. E ele pode tornar o hardware tão bom quanto possível porque ele está projetando o software ao mesmo tempo que realmente vai aproveitar isso. Então, é algo com o qual estamos com ciúmes, e isso é algo que você nos verá se aproveitando em breve “.

Contudo, durante a entrevista, Newell nada mais comentou sobre que jogos estão sendo produzidos nem mesmo quais serão as plataformas que os receberão com essa “volta” da Valve para o ambiente de Software, destacando unicamente que Artifact, jogo digital de cartas será o primeiro de uma nova leva e que será lançado somente no fim de 2018.

Fonte Nintendo Everything PC Gamer
Comentários