A casa de notícias para os fãs da Nintendo

Nintendo comenta sobre os impactos da COVID 19 em seus negócios

A Polygon entrevistou recentemente o CEO da Nintendo of America, Doug Bowser, para tratar de vários tópicos diferentes sobre a visão da companhia em relação aos negócios e tomada de decisões ao longo dos últimos tempos.

Um dos tópicos questionados foi referente aos impactos da COVID nos negócios da companhia durante esse ano. Confira o comentário de Bowser:

Alguns foram afetados, especialmente durante os primeiros dias, enquanto analisávamos o que aconteceria com os varejistas, como os consumidores consumiriam conteúdo em termos de conteúdo de mídia – onde eles obteriam suas notícias, seu entretenimento – porque isso nos forçaria a potencializar parte do lado do marketing.

Obviamente, minhas responsabilidades são relacionadas à Nintendo of America, que é muito mais uma função de vendas e marketing. Estávamos em contato próximo com nossa empresa controladora no Japão, entendendo os possíveis impactos nos ciclos de desenvolvimento e se isso mudaria em todas as nossas programações de lançamento. Enquanto observamos isso, e como pode ter havido pequenas mudanças nas datas, estamos tentando reagir com a compreensão de quais partes do nosso catálogo permanente poderíamos inserir e manobrar para continuar mantendo o ímpeto que vimos no período.

Bowser então foi questionado se algum jogo conseguiu cobrir os “buracos” deixados pela manobra no calendário de lançamentos:

Sim. Analisamos vários fatores diferentes. Em primeiro lugar, falamos muito aqui sobre público e as pessoas que queremos atingir através de várias campanhas, através de vários esforços. Em seguida, olhamos para o conteúdo que está chegando em nossa direção, hardware e software, e determinamos como isso se encaixará nesses públicos e como queremos nos comunicar. E temos uma boa batida constante de novos lançamentos que vêm ao longo do ano.

Algo único na Nintendo é que nosso conteúdo é lançado o ano todo. Mas então, nós também olhamos para o conteúdo proveniente de nossos parceiros de publicação terceirizados, sejam eles AAA ou desenvolvedores independentes, e descobrimos como encaixá-los. E então, uma coisa que sentimos que é única na Nintendo é a força de nosso catálogo evergreen, como The Legend of Zelda: Breath of the Wild ou Mario Kart 8 Deluxe, e como os encaixamos em nossas mensagens? Portanto, temos novidades e conversas que podemos ter o ano todo. E claramente isso foi intensificado durante a pandemia, para realmente entender como as coisas estavam mudando. Tínhamos que ser flexíveis e ágeis e movimentá-los.

Comentários