A casa de notícias para os fãs da Nintendo

Rise of the Third Power será lançado em fevereiro; Novo trailer

Jogo de RPG em homenagem aos clássicos chega no dia 10.

A editora DANGEN Entertainment em conjunto com a desenvolvedora Stegosoft Games anunciaram hoje que Rise of the Third Power será lançado para o Nintendo Switch, PlayStation 4, Xbox One e Windows em 10 de fevereiro.

Confira uma visão geral do jogo, via DANGEN Entertaimnent:

Sobre o Jogo

1587, 2A — 15 anos se passaram desde que os canhões da Grande Guerra finalmente silenciaram. O conflito abalou o mundo, deixando meia geração de homens e mulheres mortos no campo de batalha. Dos muitos jogadores que atuaram no cenário mundial, apenas dois permaneceram: o reino de Cirinthia e a antiga República de Tariq.

Com o tempo, Dimitri Noraskov, um herói do derrotado Reino de Arkadya, ressuscitou das cinzas. Ele viu seu rei como um covarde por se render e um traidor por se submeter ao Tratado de Evenheart. O povo também. Eles apoiaram Noraskov quando ele derrubou o rei. Eles o apoiaram enquanto ele recuperava as terras que haviam sido despojadas deles. E eles o apoiaram quando ele levantou um exército. Noraskov havia teorizado que as nações do mundo ainda estavam muito desgastadas pela Grande Guerra para fazer cumprir os termos do Tratado. Até agora, sua jogada provou ser bem-sucedida.

O Império Arkadiano não mostra sinais de conter sua agressão. Muitos temem que uma reprise da Grande Guerra, que antes poderia ter sido evitada, agora seja quase inevitável. Mas há aqueles que acreditam que ainda pode ser interrompido…

Rise of the Third Power é uma carta de amor aos dias de glória do RPG estilo console, com conveniências modernas, como salvamento automático e uma combinação dos melhores elementos da jogabilidade e escrita japonesa e ocidental. Experimente esta fusão de Oriente e Ocidente, antigo e novo, em um jogo destinado a superar o trabalho anterior da Stegosoft Games em todos os sentidos!

Assista ao novo trailer de Rise of the Third Power abaixo.

Via Gematsu
Comentários