A casa de notícias para os fãs da Nintendo

Versão de ARK: Survival Evolved do Switch está sendo trabalhada em 30FPS e para cartuchos de 16GB, mais

Nós do Switch Brasil anunciamos uma versão de ARK: Survival Evolved para o Switch. O título aliás foi apresentado ao vivo durante uma palestra do uso da Unreal Engine. Agora, novas informações sobre o port para o Switch foram divulgadas. Em primeiro lugar, quem está lidando com o port é a Abstraction Games, que aliás, declarou por meio de seu CEO, que o port foi feito em questão de semanas direto da versão PC.

Nas palavras de Ralph Egas em entrevista ao GamesIndustry, a equipe “tinha criado algo que ao ser visto já poderia ser certificado, mesmo com algo a mais a ser feito”. Além disso, Egas compartilhou que o estúdio trabalhou buscando uma situação linear de 30fps em praticamente grande parte do título. As palavras na íntegra do CEO, que ainda destaca as peculiaridades do Switch e o trabalho nele envolvido podem ser vistas abaixo:

O Estúdio Wildcard [desenvolvedor do game] pediu apenas uma primeira versão jogável. Eles só queriam ser capazes de mexer neles, mas talvez o som ainda não esteja tão bom. Ou as cenas. Ou nem todos os controles estão bem implementados ainda. Talvez você possa andar e fazer isso e aquilo, mas você não pode criar nada. Isso é um primeiro jogável e é isso que nós concordamos. Mas nós percorremos todo o caminho e fizemos um port direto em todos os subsistemas [de ARK]. Ainda temos algum trabalho a fazer, mas ele já está próximo de 30fps na maioria dos casos.

Quanto ao Switch, sabemos que não é tão poderoso quanto um PS4 ou Xbox One. Todo mundo sabe disso. Dito isto, a diferença não é tão grande quanto você pode acreditar. Em alguns locais, você precisa reduzir um pouco a distância que pode ver. Mas não tanto quanto você pensa em comparação com o Xbox One e PS4. Obviamente, em termos de Xbox One X e PS4 Pro, essa é uma história diferente. Mas comparado com as plataformas de base, o Switch não é tão ruim assim .

“[Continuando com o Switch, sabemos que o] desempenho não é realmente um problema. A questão, em vez disso, está no tamanho dos cartuchos. Os cartuchos de 32GB são caros, e nós não queremos usá-los. Então, precisamos ajustar tudo em 16GB, enquanto o jogo padrão no PS4 é muito, muito maior. É uma relação louca de que estamos falando. No entanto, felizmente, há muitas oportunidades de redução sem mudar nada na qualidade. Outra coisa que podemos fazer é uma versão de cartucho e, em seguida, fazer downloads escalonados para completar o jogo. Essa é provavelmente a parte mais difícil. Encontrar todos os novos detalhes técnicos e peculiaridades que você obtém com uma nova plataforma. ”

“Claro que, em relação a memória e o tempo de execução, o Switch não tem tanto quanto PS4 ou Xbox One, o que significa que você precisa reduzir o conteúdo que está sendo usado a qualquer momento. Parcialmente é o caso de ter menos dinos aqui e ali e reduzir a experiência de conteúdo real. Mas isso é só um pouco. O resto é apenas algoritmos de compressão inteligentes ”.

ARK: Survival Evolved foi anunciado durante a GDC de 2018 e terá uma versão para o Switch. Diante das palavras do CEO da Abstraction Games e baseando-se no trailer que foi demonstrado, o que resta é aguardar para novas informações. Até então, seu lançamento – físico e digital – está previsto entre Setembro e Dezembro de 2018. ARK: Survival Evolved, além da versão PS4 e Xbox One também vai contar com uma versão para dispositivos mobile.

Fonte Nintendo Everything Games Industry
Comentários