A casa de notícias para os fãs da Nintendo

Yggdra Union: We’ll Never Fight Alone ganhará versão para o Switch em 5 de março no Japão

Jogo foi originalmente lançado para o GBA em 2006.

A Sting lançará uma versão para o Nintendo Switch de Yggdra Union: We’ll Never Fight Alone através da Nintendo eShop em 5 de março no Japão por ¥1.800, de acordo com revelação feita pela edição mais recente da revista japonesa Famitsu Semanal.

Yggdra Union: We’ll Never Fight Alone foi lançado originalmente para o Game Boy Advance em 2006, seguido de versões para o PSP, e localizado para o ocidente pela Atlus. Versões do jogo para iOS e Android foram lançadas em 2019 no Japão.

Confira uma visão geral do jogo, via listagem para o PSP:

sobre o jogo

Ataque o inimigo com mais de menus quando o combate tático baseado em cartas encontrar ação em tempo real. A vitória depende da construção do seu baralho mais forte, do monitoramento do seu medidor de agressão e da exploração dos sindicatos na batalha, enquanto a princesa Yggdra e suas tropas lutam para libertar seu reino!

História

O Reino da Fantasinia, localizado no centro do mundo continental.

O tempo de paz e prosperidade continuou por muitos anos sob a espada sagrada e um rei sábio, mas isso não foi feito para durar para sempre…

O fim chegou tão de repente…

Durante o reinado de Ordene, 31º monarca de Fantasinia, o Novo Império Bronquiano invadiu.

O Exército Real reuniu sua cavalaria para resistir à incursão, mas com perdas após perdas da ofensiva devastadora do Exército Imperial, a fortaleza de Karona caiu.

Nada poderia impedir Bronquia de despedir a Capital Real de Paltina.

Gulcasa, o Imperador da Carnificina, depôs à força seu antecessor e se tornou o novo imperador de Bronquia.

O imperador Gulcasa liderou pessoalmente suas tropas de elite no castelo Paltina, onde após uma batalha terrestre, ele matou o rei Ordene.

Com isso, Paltina caiu e a bandeira imperial escarlate foi erguida para tremular no céu crepuscular…

Durante a turbulência, houve uma garota solteira que conseguiu escapar da Paltina caída.

Ela era jovem e de aparência inocente, mas nas mãos segurava uma espada: a Espada Sagrada “Gran Centurio” que é passada de monarca para monarca, através das gerações de governantes fantasinianos…

Esta foi a lendária espada que se diz ter sido usada pelo grande herói que primeiro estabeleceu o reino e cultivou a terra.

O nome da garota é Yggdra Yuril Artwaltz.

Com a última esperança do reino em suas mãos, ela finalmente alcança a região mais meridional do continente.

Lá ela conhece o rei dos bandidos Milanor e, com ele, a batalha para libertar a terra natal de Yggdra se desenrola…31

Fonte Ryokutya2089
Via Gematsu
Comentários